POR QUE DEVO USAR EPI’S NO MEIO RURAL?

20.10.2017 | 0 Comentarios

São muitos os motivos para o uso do EPI. No meio agrícola os Equipamentos de Proteção Individual são extremamente necessários para evitar os acidentes de trabalho, proteger a saúde, melhorar a qualidade de vida e prevenir doenças. 

O Brasil é campeão mundial no uso de agrotóxicos, estudos apontam que a cada brasileiro cabe a média de 5,2 litros de veneno por ano. Esses dados indicam o grande número de intoxicações ocorridas no Brasil, no período de 2007 a 2014 foram mais de 1,25 milhões de casos. Além disso, dados do Ministério da Saúde registraram enfermidades agudas que estão diretamente ligadas ao agrotóxico, entre elas as doenças crônicas causadas por anos e anos de exposição. 

Ubirani Otero, responsável pela Unidade Técnica de Exposição Ambiental do Instituto Nacional do Câncer, explica que a exposição aos agrotóxicos sem o uso correto do EPI potencializa o risco de diversos problemas de saúde. ‘Já tem evidências de vários efeitos e no mínimo dez tipos de câncer. E as crianças cujos pais são expostos e trabalham na lavoura têm maior risco de desenvolver câncer de cérebro e leucemia infantil’, alerta. 

O Equipamento de Proteção Individual da Agrovest possui o melhor índice de prevenção do mercado, oferece segurança e alta tecnologia evitando a intoxicação e todas as consequências indesejadas pela exposição aos agrotóxicos. A Agrovest possui agulhas especiais, linha e maquinário apropriado para produzir EPI’s de alta tecnologia, garantindo proteção total ao trabalhador. 

Use o EPI da Agrovest e garanta a proteção adequada, aumente a produtividade e a qualidade de vida dos funcionários. 

 

 

Informações: 

Rua Rio Paraná, 117- Jd. Rejane II - Cambé - PR

Telefone: (43) 3344-5673

CEP: 86185-300 

Facebook | Instagram

 




Comentários

Seja o primeiro a comentar!


Escrever Comentário




Siga também a AgroVest nas redes sociais


Newsletter

Cadastre seu e-mail e se mantenha sempre atualizado sobre dicas e novos produtos da Bonanza Agro.